Conecte-se conosco

Destaques

“A intubação na UTI é a última chance de vida”, diz médico de Dois Irmãos

13/05/2020 - 10h10min

Dois Irmãos – O tratamento de um paciente diagnosticado com Covid-19 em estado grave é delicado e exige cuidados redobrados da equipe e também há uma atenção diferenciada à família.Os casos mais graves do Covid-19 precisam ser tratados em uma UTI são uma verdadeira luta pela vida. O pediatra Jorge Pereira relata como funciona a vivência nestas situações em que um paciente precisa deste cuidado. “Quando o paciente precisa ser levado para uma UTI em intubado, essa é a última chance de vida dele. Ali é onde podemos conseguir, através dos protocolos e medicações, a melhora dele. Não há outra alternativa; é a máxima do tratamento”, disse ele. Um paciente pode ficar, em média, até três semanas intubado. “É a luta pela vida dia após dia. Por isso, tanto comemoramos quando conseguimos a cura, pois significa que a vida venceu a morte”, destacou ele, pedindo que a comunidade se previna. “Felizmente, hoje todos os casos diagnosticados em Dois Irmãos estão curados, mas precisamos seguir medidas de prevenção, como uso de máscara, higienização constante das mãos e não provocar aglomerações”.