Conecte-se conosco

Destaques

“Até ameaçados fomos”, diz dona de pitbull sacrificado em Ivoti

25/05/2020 - 13h35min

Atualizada em 25/05/2020 - 13h51min

Ivoti – Os proprietários dos dois cães envolvidos em uma situação de tensão, que mobilizou o Corpo de Bombeiros e a Polícia Civil na semana passada, deram sua versão dos fatos. A reportagem do Diário conversou com os donos dos animais para entender a visão deles próprios sobre os acontecimentos da segunda-feira, 18, na Rua Régis Bittencourt, bairro Jardim Bühler.

Na oportunidade, um cão da raça pitbull, pertencente a um casal e seus cinco filhos, se soltou da residência de trás de um terreno, foi para a casa da frente e matou o cachorro da outra família, que pertencia aos pais do homem da casa de trás. Após a situação ter fugido do controle, Bombeiros e Polícia Civil foram acionados, e a dona do pitbull autorizou sacrificá-lo.

“Foi uma fatalidade o que aconteceu. Estamos sendo julgadas por pessoas que não conhecemos. Até ameaçados fomos. As pessoas vêm aqui e ficam olhando, tirando fotos da nossa casa”, afirmou ela, sob condição de anonimato. “[As pessoas] ficam falando que ele matou porque estava com fome. Isto não é verdade. Ficam dizendo muitas coisas sobre a gente em comentários, nos acusando de tudo o que é coisa”, lamentou.

Leia a matéria completa na edição do Diário desta terça-feira, 26.