Isso deve desburocratizar um pouco o processo e agilizar

A Câmara de Vereadores aprovou na semana passada uma nova alteração na Lei Municipal de Pavimentação Comunitária, a chamada “Lei do Asfalto”. Esta nova redação visa facilitar a realização de pavimentação, embora que, para isso ocorrer é preciso recursos. Uma das modificações da lei reduziu a exigência de quantidades de moradores que devem aderir. Na lei antiga era necessário 90% dos proprietários de imóveis. Com a nova redação será necessário somente 70%. Isso deve desburocratizar um pouco o processo e agilizar.

1/3

Outra alteração na lei é no quesito participação do Município na pavimentação. Com a nova redação o custo do asfalto passa a ser dividido em três. Ou seja, uma parte para o dono do imóvel dos dois lados da rua e uma parte ao Município, o chamado 1/3 para cada parte. Isso deve baratear um pouco a obra, o que convenhamos, sempre é bom para o morador.

MANGAS

Os funcionários das Obras arregaçaram as mangas e foram cobrar dos vereadores uma valorização. O certo seria aumento, mas não em pleno meio do ano. Eles se mexem porque são os que menos ganham e hoje em dia você sabe, tudo sobe e se seu salário fica estagnado a coisa complica. Os vereadores todos disseram que estão com os funcionários e que algo precisa ser feito. Só que esse algo até agora ninguém disse onde está e quem vai fazer.

JANTAR DO CONSEPRO

Está chegando mais uma edição do jantar do Consepro. Será dia 24. Depois de comprar viatura nova e construir sede da Brigada Militar a diretoria tem um novo propósito: a instalação de câmeras de videomonitoramento. E nesse trabalho é preciso o apoio de todos. Os cartões já estão a venda com a diretoria, Prefeitura Municipal e Casa Schmitt. O valor é R$ 25,00. O jantar ocorre no pavilhão da Comunidade do Perpétuo Socorro e será carreteiro de charque, maionese, pão e saladas ao valor de R$ 25,00. Após a janta terá baile com Grupo Estribo de Prata.

BICICLETA

Outra ação que ocorre simultaneamente é uma rifa. Nela há o sorteio de uma bicicleta doada pelo treinador Egon Müller no final do ano passado. Na época ele queria vender a bicicleta para arrecadar recursos para um almoço dos meninos do Projeto Futsal Contra as Drogas. Como apoiadores da ação custearam este almoço a bicicleta sobrou e foi doada ao Consepro. Está nesta rifa, mais uma ação que o Consepro consegue fazer com o apoio da comunidade.

BOMBEIROS

Quem também está numa nova e importante campanha são nossos bombeiros. Isso para comprar um desencarcerador, aquele que é utilizado para cortar partes de veículos para retirar vítimas. Embora que a corporação já possua um, este é mais simples.

AGILIDADE

O novo é mais moderno e ágil. E agilidade é o que se precisa quando se socorre alguma vítima. Os poucos segundos que se consegue de agilidade no socorro podem ser fundamentais para salvar a vida. Várias ações serão feitas pelos bombeiros para adquirir este desencarcerador. Dentre elas pedágios livres. O custo do equipamento está orçado em cerca de R$ 25 mil. Qualquer um pode ajudar. Basta procurar a corporação.