Movimento “Queremos Mais Segurança”

Sobre meu comentário da prisão de Luiz Ruppenthal, na coluna de sexta-feira, recebi de um leitor o seguinte comentário: “não vejo porque parabenizar o soldado André (pela captura de Ruppenthal). Eu entendo que a Utresa não foi a única culpada pela morte dos peixes. A fiscalização foi tão culpada quanto a Utresa.” Expliquei que em nenhum momento entrei no mérito da culpa, ou se foi justa ou não a condenação de Luiz Ruppenthal ou Utresa. O meu cumprimento ao soldado foi tão somente por cumprir seu trabalho de reconhecer e capturar uma pessoa que tem condenação e é considerado foragido pela justiça. O leitor destacou ainda “nas manifestações que fiz não tenho a intenção de defender a Utresa e inocentar o Ruppenthal. Mas sim, mostrar que a fiscalização falhou.” Feito o registro.

CORTE INFANTIL

Com todo respeito a quem teve a ideia queria discordar da tal corte infantil no Festival de Kerb. Como é de conhecimento de todos a festa alemã acontece num clima bem animado pelo tradicional chope e comilança típica. Até tem atividades para crianças (ou tinha), mas basicamente é uma festa para adultos, então permitam-me discordar da invenção.

MAIS SEGURANÇA

Depois do lamentável episódio ocorrido no centro, na última quarta-feira, refletimos. Quem pode nos ajudar? A Brigada Militar com o número de efetivo que tem não conseguirá nos oferecer proteção 24 horas por dia. Terá que optar, ou cuida durante o dia ou durante a noite. Os policiais são seres humanos precisam descansar, sob pena de, com o efeito do cansaço, não executarem bem suas tarefas e colocarem suas próprias vidas em risco.

EXECUTIVO

Não sou daquelas que pensa que tudo que acontece é responsabilidade do Executivo, mas neste caso acho que nossas autoridades precisam se mexer. Precisamos lutar por mais segurança. A segurança pública é dever do Estado, então precisamos correr atrás de quem pode nos ajudar. Sei que não é simples, mas precisamos tentar. Nossa população merece mais segurança. Cadê as câmeras de monitoramento? Estão funcionando. Homens na rua é importante, mas precisamos nos modernizar. Uma cidade bem monitorada evita a ação de marginais, inclusive o consumo exagerado de drogas, outra grande reclamação dos moradores do centro, além de facilitar o trabalho da Brigada Militar e Guarda Municipal. Precisamos especialistas da área liderando este movimento de mais segurança.

MOVIMENTO

Chega de ir para a rede social acusar todo mundo e encontrar culpados. Vamos sair da frente do computador, vamos largar nossos celulares e iniciar um movimento sério, unidos, população, poder público e órgãos de segurança. Vamos exigir um direito que é nosso. Chega de ficar trancados dentro de casa enquanto marginais tomam conta das ruas e ameaçam a vida dos nossos filhos e amigos. Vamos deixar um mundo melhor para os nossos filhos.