Conecte-se conosco

Destaques

É falsa notícia que projeta “400 mortes” em Ivoti por novo coronavírus

Av. Presidente Lucena, em Ivoti, estava quase vazia na tarde deste sábado, 21 (Créditos: Felipe Faleiro)

Ivoti – É falsa a suposta informação que circula por meio de um áudio no WhatsApp, afirmando que há a projeção de “400 mortes” em Ivoti em razão do novo coronavírus, a partir da divulgação realizada em uma reunião. De acordo com a Prefeitura, há orientações de que a população siga as orientações e permaneça em casa.

Mais cedo, neste sábado, 21, o município decretou estado de calamidade pública, por meio de um decreto assinado pelo prefeito Martin Kalkmann. Entre os artigos, está proibida a abertura de todas as atividades comerciais e de prestação de serviços privados não essenciais.

Atividades comerciais de prestação de serviços privados poderão operar somente em regime de atendimento por telentrega, internet, telefone, desde que o funcionamento do estabelecimento não implique em qualquer forma de aglomeração de pessoas.

Também está vedada a realização de eventos e de reuniões de qualquer natureza, de caráter público ou privado, incluídas excursões, cursos presenciais, missas e cultos religiosos. Estão permitidos serviços de assistência médica e hospitalar; produção, distribuição e comercialização de medicamentos, produtos de higiene e alimentos; tratamento e abastecimento de água; geração, transmissão e distribuição de energia elétrica, gás e combustíveis; coleta e tratamento de lixo e esgoto, entre outros.