Os paraguaios do Libertad serão o quarto integrante do grupo do Grêmio na Libertadores. O time superou o Atlético Nacional, em cobranças de pênaltis na Colômbia, e carimbou um lugar na chave H. Apesar de vencerem por 1 a 0 no tempo normal, os donos da casa foram superados por 5 a 4 nas penalidades.

Em jogo disputadíssimo no estádio Atanasio Girardot, em Medellín, o Atlético Nacional devolveu ao Libertad o 1 a 0 que levara em Assunção na quinta-feira passada e a decisão da vaga foi nos pênaltis. O único gol do confronto foi marcado por Lucumí, aos 33 minutos da etapa inicial. O time colombiano poderia ter ampliado com um pênalti não marcado pelo árbitro goiano Wilton Pereira Sampaio aos 43 minutos. Na fase final, o time colombiano pressionou em busca do gol que lhe garantiria a classificação. Mas não conseguiu.

Na decisão por pênaltis, Daniel Bocanegra errou a primeira cobrança do Nacional e o Libertad converteu as cinco, vencendo por 5 a 4.