Clubes já se enfrentaram em duas oportunidade pela Copa do Brasil

O Inter projeta muitas dificuldades contra o Palmeiras nas quartas de final da Copa do Brasil. Na visão do vice de futebol Roberto Melo, os colorados enfrentarão o adversário mais difícil entre os sete que eram possíveis no sorteio, realizado na tarde desta segunda (10). O jogo de ida será em São Paulo, enquanto a partida de volta será disputada em Porto Alegre.

— O Palmeiras é um time com grandes jogadores, tem um treinador experiente e que está acostumado a jogar mata-mata. Com certeza, era o adversário mais difícil de se pegar. Time que quer ser campeão não pode escolher adversário. Será um confronto difícil, mas hoje nós temos condições de enfrentar qualquer equipe — disse Melo.

Roberto Melo aposta na força do Beira-Rio, mas minimiza as dificuldades que a equipe colorada pode enfrentar no Allianz Parque. Apesar do mau desempenho como visitante no Brasileirão, o dirigente lembra que o Inter tem bons resultados fora de casa na Copa Libertadores e na Copa do Brasil.

— Os jogos no Beira-Rio sempre foram vitais na história do Inter. Agora não será diferente. Mas a diferença (de desempenho) nos jogos fora de casa é apenas no Brasileiro. Nós vencemos fora na Copa do Brasil (contra o Paysandu) e na Libertadores (contra Alianza Lima e Palestino), além do empate com o River Plate. Só nos pontos corridos é que não estamos tendo um bom aproveitamento fora de casa. Mas podemos fazer um bom jogo tanto em Porto Alegre como em São Paulo — completa Melo.

As partidas contra o Palmeiras serão realizadas na segunda e na terceira semana de julho. As datas ainda não foram oficializadas pela CBF.

Créd. Gaúcha ZH