Muitas ruas no município precisando de asfalto novo

Estância Velha – O projeto encaminhado pela prefeitura solicitando a autorização para contrair um empréstimo de 13 milhões para asfaltar 19 ruas do município, será votado hoje na Câmara de Vereadores. Mesmo com parecer jurídico desfavorável a maioria dos integrantes da Comissão de Constituição e Justiça decidiu colocar o projeto em votação.

Depois de muita discussão, sobre a legalidade do projeto por conta da Lei de prioridade de asfaltamento nas ruas que circulam as linhas de ônibus, a CCJ preferiu deixar o projeto seguir para análise de todos os vereadores, em Plenário.

Pelas manifestações já emitidas por vários vereadores o projeto “deve” ser reprovado por 5 a 3, salvo a mudança de última hora de posicionamentos por parte de algum vereador.

CONTRA

Diego Francisco (PSDB) – já declarou voto contra

Carlos Bonne (PDT) – já declarou voto contra

Valdeci de Vargas (Django-MDB) – disse que ia consultar a sua base eleitoral, mas indica ser contra

Márcia Ribeiro (PT) – disse que ia consultar a sua base eleitoral, mas indica ser contra

Mauro Petry (Solidariedade) – já se manifestou na tribuna, contra o projeto

* Com o impedimento por questão de saúde, do vereador Lotário Seevald (Saci-PSB) que seria voto favorável, ocupa a vaga o suplente Mauro Petry (Solidariedade) que já se manifestou contra o projeto.

FAVORÁVEIS

João de Godoy (Dudu-MDB)

Euclides Tisian (Gringo-PT)

Carlos Dietrich (Geada-MDB)

* No caso de empate, decide a vereadora Veridiana Monteiro (PSB) presidente da Câmara, que indica acompanhar o parecer desfavorável da CCJ e votar contrário ao projeto.

O principal argumento para a reprovação do projeto está sendo a escolha das ruas, sem obedecer os critérios da Lei já existente, bem como a falta de integração entre Executivo e Legislativo, já que os vereadores não foram consultados sobre as prioridades. Além disso, o alto valor e longo tempo para pagamento também são criticados pelos vereadores contrários ao projeto.

Grande público deve acompanhar a sessão de hoje que inicia as 19h.