Sistema de bandeiras tarifárias para contas de luz é adotado pela Aneel (Créditos: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Região – A partir desta quarta-feira, 1º, os consumidores irão pagar R$ 1 a mais na conta de luz a cada 100 quilowatts-hora consumidos. O motivo é a bandeira tarifária amarela, vigente no mês de maio. A informação é da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). A medida impacta também os consumidores da Encosta da Serra, atendida pela RGE.

O motivo, conforme a Aneel, é a redução da chuva nas áreas de usinas hidrelétricas. Isto coincide com o início da estação seca nas bacias dos principais rios brasileiros que compõem este sistema. As bandeiras tarifárias funcionam por cores, e refletem a situação da produção de energia em determinado mês.

Centro de Saúde de Linha Nova recebe gerador

A bandeira verde, que vigorou de dezembro até abril, indicava que não havia cobrança de taxa extra. A razão foi as boas condições de produção. A Aneel recomenda que os consumidores economizem energia neste período.

Algumas recomendações: tomar banhos mais curtos e com o chuveiro na posição morno, manter os filtros de ar-condicionado limpos, nunca colocar alimentos quentes na geladeira, utilizar iluminação natural ou lâmpadas econômicas e apagar a luz ao sair de um cômodo.