Reunião aconteceu na tarde de hoje. (foto: Rogério Savian)

Morro Reuter – Na tarde desta quinta-feira, 14, representantes das localidades, Sindicato dos Trabalhadores Rurais, Emater e Prefeitura se reuniram com a Elisandra Castro, gerente de relacionamento da RGE. Na ocasião eles apresentaram as queixas relacionadas às frequentes faltas de energia elétrica e cobraram mais agilidade no restabelecimento do serviço, que as vezes chega a demorar cinco dias. Elisandra ressaltou o trabalho que a concessionária vem fazendo nos últimos anos e se comprometeu em apresentar um plano de investimentos para Morro Reuter até o início do mês de abril. A prefeita Carla Chamorro cobrou que é inaceitável os agricultores terem de depender dos geradores para não perderem a produção, sendo que muitos dos problemas são causados devido à falta de trabalho preventivo como a substituição de postes ou a realização de podas.

Podas

De acordo com Elisandra, o maior problema enfrentado em Morro Reuter em relação à falta de energia elétrica é a vegetação. Cerca de 65% das ocorrências são motivadas por galhos que encostam na rede. Nesse ponto dois são os fatores principais: 1ª – grande parte da rede ainda passa em meio ao mato porque são antigas e atravessam propriedades particulares; 2º – mesmo nas redes mais novas ainda existe muitos agricultores que plantam árvores próximo aos fios. Confira na próxima semana a matéria completa a respeito desse assunto.