Portal da Transparência da Câmara de Vereadores de Ivoti não foi bem avaliado pelo TCE (Foto: Diário/Arquivo)

Ivoti – A presidente da Câmara Municipal, Marli Heinle Gehm (MDB), disse que soube do caso dos atestados médicos frios, envolvendo a atual colega, a vereadora Rafaella Lima (PSD), por meio da reportagem publicada hoje, com exclusividade, pelo Diário. Segundo Marli, a situação é inédita.

“Embora isto tenha acontecido quando ela ainda não era parlamentar, vou sentar com meus colegas e com a assessoria jurídica da Casa e ver o que podemos fazer”, afirmou ela. De acordo com Marli, em razão disto, a situação diz mais respeito à Prefeitura, pois Rafaella, tanto na época como agora, é farmacêutica concursada pela Administração.

Marli ainda chamou a situação de “desagradável”. “Me assustei quando soube, não tinha o conhecimento disto. É algo que não deveria acontecer, mas aconteceu. Acredito que a Justiça vá julgar. É lamentável que fatos assim aconteçam”, afirma ela.