Conecte-se conosco

Destaques

“Era eu quem puxava a polonese, no Clube Reviver de Dois Irmãos”, destaca Leonida Backes

24/02/2020 - 07h21min

Dona Leonida adora ocupar o tempo com crochês. (foto: Volmir Müller)

Dois Irmãos – O Diário visitou a Dona Philomena Leonida Backes, que está com 89 anos, e traz para vocês uma reportagem especial com esta mulher que muito fez por Dois Irmãos e através de sua forte atuação junto ao Grupo Reviver conquistou inúmeras amizades. Atualmente, Dona Leonida (como prefere ser chamada) está no Lar Santa Ana, em Novo Hamburgo. Ela afirma estar muito bem e ocupa seu tempo confeccionando peças em crochê. “Agora me acostumei aqui e gosto muito de morar. Costumo dizer que aqui estou de férias. Mas também considero como minha segunda casa”. Disse que quer vir a Dois Irmãos dançar a polonese. “Para comemorar os meus 90 anos eu quero fazer uma festa na Sociedade Santa Cecília, animada por bandinha para dançar a polonese”.

Municipais de Futebol Sete de Dois Irmãos iniciam dias 7 e 8 de março

Leonida é natural da cidade de Feliz e adora ocupar o tempo fazendo crochê e contando causos. “Por muito tempo eu participei do Grupo Reviver, onde era eu que puxava a dança da polonese. Tenho orgulho de dizer que ensinei até ex-prefeito Miguel a dançar a polonese. Na época ele era prefeito ainda. Gosto que até hoje quando ele me encontra ele lembra disso. Aqui eu guardo dois trajes de alemão no armário”, conta.  Ela também faz questão de mostrar aos visitantes uma foto que tem com a Tia Herta, que admira muito.

PFC, Peñarol e Xis Dubom se classificam no Torneio de Verão de Dois Irmãos

Confira a matéria completa nas edições impressa ou digital desta quarta-feira, 26.