Sócios compraram fazenda em Taquara

Região – A InDeal, empresa que diz operar no mercado de criptomoedas, existe, no papel, desde junho de 2011, conforme dados da Receita Federal. Contudo, a empresa fundada pelo analista de sistemas Regis Lippert Fernandes não iniciou imediatamente a operar no mercado de financeiro. A InDeal surgiu para intermediar e agenciar serviços e negócios, prestar consultoria na área da tecnologia da informação, e criar sites, além de administrar cartões de crédito.

Embora a empresa tenha sido fundada em 2011, o domínio da InDeal na internet foi registrado por Lippert apenas no último dia de julho de 2017, que coincide com o período em que ocorreu a explosão do valor da criptomoeda no mundo. Aproveitando-se disso, o hamburguense e outras quatro pessoas começaram a captar investidores com a promessa de rendimentos de até 15% ao mês. Hoje, sabe-se que a InDeal nunca aplicou o dinheiro dos investidores neste negócio.

OS DEMAIS: TODOS PRESOS

Além de Lippert, a InDeal tem como sócios Ângelo Ventura da Silva, Tassia Fernanda da Paz, Marcos Antônio Fagundes e Francisco Daniel Lima de Freitas, todos radicados no bairro Canudos, em Novo Hamburgo.

Francisco Freitas, que até o ano passado morava em um pequeno apartamento no bairro Canudos, atualmente morava em uma mansão, avaliada em mais de R$ 2 milhões, no Condomínio Horizon, residencial de luxo instalado no bairro Encosta do Sol, em Estância Velha. Conforme a Receita Federal, ele adquiriu a casa no último ano, por R$ 1,5 milhão, com dinheiro dos investidores da InDeal.

O mesmo aconteceu com Tassia da Paz, que residia em um casa simples no Canudos, com o crescimento do esquema montado pela InDeal, comprou uma casa de alto padrão, dentro de um dos mais luxuosos e caros condomínios de Novo Hamburgo, o Hamburgo Village. Lá, a residência foi adquirida por R$ 3,8 milhões.

Os cincos sócios, a esposa de um deles, e funcionários do alto escalão foram presos por decisão da Justiça Federal. Todos foram presos no Vale do Sinos, com exceção do mentor do negócio, Regis Lippert, que foi preso em Florianópolis, Santa Catarina. O grupo responde pelos crimes de apropriação indébita, lavagem de dinheiro, formação de quadrilha e crime contra a ordem financeira, por operar sem autorização do Banco Central.

CAPITAL SOCIAL DE R$ 100 MILHÕES

Cada um, quando o contrato social foi atualizado, na metade do ano passado, diz que participou com um aporte de R$ 400 mil. Contudo, a investigação não identificou de onde esse dinheiro saiu, com o claro indício de que o montante é fantasioso e só serviu para justificar o capital social da empresa, estipulado em R$ 100 milhões. Antes disso, a InDeal tinha um capital social de somente R$ 25 mil.

 

Comércio de pedras preciosas, construtora… e por última uma fazenda: saiba em quais outros negócios os sócios estão metidos

O dinheiro conquistado com a pirâmide financeira serviu para os sócios da InDeal investirem em outras segmentos econômicos, além de ostentarem adquirindo artigos de luxo. Os sócios fazem negócios em diferentes área, desde o comércio de pedras preciosas, passando por construtora até administram fazendas.

Uma das últimas aquisições do grupo foi a fazenda Sol Nascente, no Olho D’Água, zona rural de Taquara. Na fazenda, adquirida por alguns milhões de reais, o grupo criado gado leiteiro, das raças Jersey – Holandesas, e gado de corte, das raças Red Angus – Braford. A compra do imóvel, conforme a Receita Federal, ocorreu com o dinheiro que os sócios tiraram do caixa da InDeal, que veio dos investidores.

Confira, abaixo, a lista de empresas em que os donos da InDeal tem participação societária.

Regis

 Regis Lippert Fernandes, 48 anos 

  • Fazenda e Agropecuária Sol Nascente, em Taquara
  • Criação de gado para corte e para leite
  • Capital Social: R$ 10 milhões
  • Fundada: 18/10/2018

 

Tassia

Tassia Fernanda da Paz, 33 anos

  • Fazenda e Agropecuária Sol Nascente, em Taquara
  • Criação de gado para corte e para leite
  • Capital Social: R$ 10 milhões
  • Fundada: 18/10/2018

 

Daniel

Francisco Daniel Lima de Freitas, 45 anos 

  • Fazenda e Agropecuária Sol Nascente, em Taquara
  • Criação de gado para corte e para leite
  • Capital Social: R$ 10 milhões
  • Fundada: 18/10/2018

 

  • Mulher Virtuosa, em Novo Hamburgo
  • Comércio de joias, relógios e pedras preciosas e semipreciosas lapidadas
  • Capital Social: R$ 300 mil
  • Fundada: 27/03/2013

 

  • DFCD Construtora, em Novo Hamburgo
  • Construção de edifícios
  • Capital Social: R$ 50 mil
  • Fundada: 28/01/2014
Angelo

Ângelo Ventura da Silva, 38 anos

  • Fazenda e Agropecuária Sol Nascente, em Taquara
  • Criação de gado para corte e para leite
  • Capital Social: R$ 10 milhões
  • Fundada: 18/10/2018

 

  • Atendebem Supermercados, em Novo Hamburgo
  • Construção de edifícios
  • Capital Social: R$ 140 mil
  • Fundada: 19/11/2003 – Encerrou atividades em 11/03/2019

 

Marcos

Marcos Antônio Fagundes, 45 anos

  • Fazenda e Agropecuária Sol Nascente, em Taquara
  • Criação de gado para corte e para leite
  • Capital Social: R$ 10 milhões
  • Fundada: 18/10/2018