Penitenciária Feminina Madre Pelletier. (Foto: Site Agora no RS)

Estado – Na manhã deste domingo, dia 10, 26 pessoas ficaram feridas em um incêndio no Presídio Feminino Madre Pelletier, na zona Sul de Porto Alegre. Segundo a Superintendência de Serviços Penitenciários (Susepe), o incêndio teria começado por volta das 11h. Duas detentas teriam brigado e atearam fogo nos colchões uma da outra. Rapidamente, as chamas se alastraram e invadiram outras celas.

A Secretaria Municipal de Saúde informou que as duas mulheres que brigaram tiveram queimaduras, e estão em estado grave. Uma delas teve 30% do corpo queimado e a outra, 60%. Outras 21 feridas seriam presas, que inalaram a fumaça e foram encaminhadas para atendimento no Hospital de Pronto Socorro. Três feridos seriam agentes penitenciários.

O Corpo de Bombeiros não chegou a ser chamado, pois os próprios agentes penitenciários controlaram as chamas. No domingo as presas recebem visitas, mas em decorrência do incêndio a visitação foi suspensa.

Leia também: