Conecte-se conosco

Destaques

Morre terceira vítima de acidentes ocorridos ontem na BR-116 entre Picada Café e Nova Petrópolis

29/03/2020 - 10h22min

Atualizada em 29/03/2020 - 11h57min

Acidente vitimou motorista e caroneira (FOTO: Jair Heylmann)

Picada Café – Foi confirmado na manhã desse domingo, dia 29, a morte da segunda vítima do acidente que aconteceu na tarde desse sábado, no quilômetro 192,5 da BR-116 em Picada Café. Leonel de Miranda Celestino de 35 anos havia sido socorrido pelo Corpo de Bombeiros de Picada Café em estado grave, com ferimentos e fraturas expostas.

Ele era pedreiro, trabalhava e morava em Linha Imperial, em Nova Petrópolis, mas a família toda era de Caxias do Sul. Ainda ontem, ele havia sido transferido em estado grave para o Hospital Pompéia de Caxias do Sul, onde veio a óbito após não resistir à cirurgias.

Ele era o motorista da  moto CG Titã 150 prata com placa de Novo Hamburgo e estava se deslocando no sentido Nova Petrópolis/ Picada Café, quando colidiu frontalmente contra um Volkswagen Gol preto, que vinha no sentido contrário, por volta das 15h05.

A ocorrência foi atendida pelo Corpo de Bombeiros de Picada Café e, de acordo com eles, a caroneira da moto, Maria Teresinha Dávilla de Miranda, 57 anos já teve parada cardíaca na ambulância enquanto estavam se deslocando para o hospital, onde foi constatado o óbito. O motorista do Gol não se feriu.

TRÊS MORTES

Infelizmente o sábado foi marcado por três mortes na BR-116. Além desse acidente de moto, outro motociclista também morreu em outra tragédia que aconteceu 20 minutos antes, no quilômetro 187 da BR-116, um pouco mais de cinco quilômetros a frente da primera fatalidade, que vitimou Carlos Eduardo Rech, de 38 anos, morador de Caxias do Sul.