Conecte-se conosco

Destaques

Onde está Scholi? Família de Hortêncio ainda busca por papagaio levado em furto

São José do Hortêncio – Seguem as buscas por Scholi, o papagaio de estimação da ex-vereadora e candidata a vice-prefeita, Melita Rejani Heck Knob, que foi levado durante uma ação criminosa no último domingo, 19. De acordo com o filho de Melita, Jairo Knob, ainda não há pistas sobre o paradeiro da ave e as investigações seguem a cargo da Polícia Civil.

Além da forte repercussão na comunidade, o furto do mascote também ganhou as redes sociais. A publicação no Facebook de Jairo, pedindo apoio de todos na procura pela ave, já teve quase dois mil compartilhamentos. A família promete recompensa por qualquer informação que possa levar até Scholi. “Os bens materiais nós adquirimos novamente. O que me dói mesmo é a falta dele”, desabafa Melita.

A esperança em reaver a ave existe, mesmo que remota, pois trata-se de um animal registrado no Ibama com anilha de identificação. Qualquer informação sobre a ave pode ser repassada ao filho Jairo Knob, através do fone/WhatsApp (51) 99695-1649. A inscrição da anilha do animal está como “Recanto das Aves – CEDRA 1575”.

O mistério do furto

No dia em que Scholi foi levado, a família inteira saiu de Hortêncio rumo a Ivoti para acompanhar as festividades de Kerb. Era por volta das 10 horas quando Melita, esposo, filhos e a nora deixaram a propriedade. A ex-vereadora estava resistente em ir, pois um falecimento havia ocorrido horas antes no município, e como ministra da Igreja Católica, teria de participar dos trâmites do enterro.

Melita mostra batente da porta danificado pela ação dos criminosos (Créd. Alex Günther)

Porém, foi convencida pelos demais familiares, sob a garantia de que retornariam cedo para casa. Eram 16 horas quando a família voltou para Hortêncio e Melita ficou pelo caminho, na igreja, onde participaria do cortejo fúnebre, enquanto a filha e esposo seguiram.

Ao chegarem na residência, logo perceberam o que havia ocorrido. Os criminosos entraram pela área de serviço, onde uma porta de vidro estava apenas encostada. No local já se depararam com o papagaio, que foi levado com a gaiola.

Em seguida a porta da cozinha foi arrombada, dando acesso ao interior do restante da residência. Os bandidos furtaram, além de Scholi, dois televisores, um forno elétrico, aparelho de som, seis cadeiras, pacotes de erva, dois desodorantes, uma coberta, além de 40 kg de carne. Não satisfeitos, os invasores ainda capturaram outra ave, um periquito australiano de sete anos, que também vivia solto nas dependências da casa.