Conecte-se conosco

Destaques

Novos casos de animais envenenados são registrados em Estância e Lindolfo

Neste domingo, mais um gato foi encontrado envenenado no mesmo bairro (Créditos: Arquivo Pessoal)

Região – Novos casos de animais mortos por envenenamento foram registrados na Encosta da Serra. Em Estância Velha, no bairro União, a situação está revoltando moradores do Residencial Nova Estância.

Pankeka ainda resistiu por duas semanas (Créditos: Arquivo Pessoal)

Na última semana, foram três gatos de estimação mortos no mesmo local. Todos apresentaram sinais de envenenamento. Um deles foi diagnosticado logo e a família ainda tentou salvá-lo, tratando por vários dias. O gatinho Pankeka estava com a família de Vera Regina há mais de oito anos, era castrado, dócil e pouco circulava fora de casa. Fazia parte da família e era a companhia das brincadeiras dos irmãos Roberta e Victor. Durante duas semanas, tentaram reanimar o bichinho com soro e leite, mas ele não resistiu e acabou morrendo, na última quarta-feira, 5.

A Pipa, da mesma forma era o xodó de Adelina há mais de seis anos. Também era castrada e não incomodava os vizinhos. As duas famílias residem na rua Alfredo Osvino Noé, na Nova Estância.

Esta não é a primeira vez que acontecem mortes de animais de estimação nas proximidades. Há alguns meses outras mortes já ocorreram, todas por envenenamento. A situação entristece e revolta os moradores, pois, desconfiam da autoria dos crimes. Inclusive, eles já denunciaram na Delegacia de Polícia, porém, sem provas concretas, nada pode ser feito.

Segundo a tutora, Bela apresentava sinais de envenenamento quando foi encontrada (Créditos: Arquivo Pessoal)

Lindolfo Collor

A situação se repete em outros municípios. Em Lindolfo Collor, a gata Bela, de pouco mais de um ano, foi encontrada morta embaixo do carro da família, na Vila Três Passos. Conforme a tutora do animal, Gabriela Pereira, ela morreu no dia 23 de janeiro, sendo localizada pela mãe por volta das 6h30min, com sinais de envenenamento.

Não foi possível registrar uma ocorrência na polícia, pois logo após encontrarem o corpo da gata, devido à comoção, já realizaram o enterro do animal. Ainda segundo a tutora, Bela estava bem nos últimos dias junto à família, sem apresentar sinais de que havia consumido algum tipo de veneno.

Em Ivoti

Na última sexta-feira, o Diário trouxe uma reportagem sobre a situação ocorrida na Rua Aloísio Finckler, no bairro Cidade Nova, onde dez animais foram envenenados ou desapareceram desde o final de 2019. Foram ao menos quatro cães e seis gatos que morreram ou sumiram na penúltima quadra da via. Todos os animais eram domésticos, ou seja, estavam em casa no momento em que o envenenamento aconteceu. Uma das moradoras do local, que perdeu dois cães numa mesma manhã, registrou um boletim de ocorrência relatando o caso.