Conecte-se conosco

Coluna Nova Petrópolis

Nova Petrópolis em números: do coronavírus ao empréstimo de R$ 14 milhões

20/04/2020 - 10h01min

Atualizada em 20/04/2020 - 10h03min

SÃO 27
É esperada para hoje, mas com possibilidade de adiamento, a apresentação do “estudo com evidências científicas e de análises sobre informações estratégicas” sobre a situação do coronavírus em Nova Petrópolis. É que desde o último decreto estadual os prefeitos podem tomar medidas complementares para a reabertura do comércio. E esse estudo embasará as próximas decisões locais. Embora o tempo de elaboração seja um tanto curto (foi anunciado na quinta-feira, 16), as informações são muito bem-vindas. A tomada de decisões com base em dados técnicos e científicos sempre é o melhor caminho. E até aqui, esses dados estão fazendo muita falta, uma vez que não dispomos nem da mínima quantidade de testes. Por enquanto, seguimos apenas com os dados de casos suspeitos ativos em monitoramento (pessoas que permanecem em casa e não fizeram o teste). O gráfico mostra claramente uma situação positiva. E nunca é demais lembrar: os cinco testes já realizados no município deram resultado negativo.

SÃO 223
A partir de hoje, 223 matrículas do funcionalismo municipal entram em férias de 15 dias. A maioria dos profissionais é da educação, mas também tem das obras e até da saúde, como dentistas, por exemplo. Uma medida de gestão que se equipara ao que está sendo feito na maioria das empresas, uma vez que não há serviço para todos e a administração das férias é uma prerrogativa do empregador. O único porém é que na lista há um fiscal municipal. Não parece ser uma função dispensável neste momento em que o comércio está reabrindo com restrições, que precisam ser fiscalizadas.

MAIS NÚMEROS

15 cilindros de oxigênio medicinal estão sendo alugados pela Prefeitura para uso no ambulatório de campanha instalado no Centro de Eventos. O período do contrato é da sexta-feira, 17, até o dia 17 de julho e o custo é de R$ 1.305.

10 novos abrigos de paradas de ônibus estão serão contratados pela Prefeitura. A licitação das obras acontecerá no dia 4 de maio. Candidaturas às 10 localizações não devem faltar.

5 eventos importantíssimos do município já foram cancelados em razão do coronavírus: Chocofest/Páscoa, Festimalha, Rural Show, Sabores da Colônia e Festival de Folclore.

3 pontes serão projetadas pela empresa Limine Consultoria e Engenharia ao custo de R$ 28 mil. A elaboração deve ser concluída até a metade de julho. Lembrando que a construção de pontes na zona rural está entre os objetivos do financiamento de R$ 14 milhões pretendido pela Prefeitura junto à Caixa. E lembrando também que os recursos deste empréstimo já estão liberados pelo banco.

Por Francis Jonas Limberger
[email protected]
WhatsApp: (51) 99888-1830.