FOTO: CRBM

Nova Petrópolis – A montagem amadora de uma CNH despertou a suspeita de um policial militar que abordou o casal de Nova Petrópolis preso, nesta quinta-feira, no município de Capivari do Sul.

De acordo com a Polícia Civil, o motorista de 48 anos estava com uma CNH em nome de outra pessoa, contudo, para dissimular a polícia, havia colado uma foto sua no documento.

Quando percebeu a fraude, o soldado passou a questionar o motorista sobre seus dados e o mesmo não soube dizer seu “nome” (nome que estava na CNH apresentada), tampouco a data de nascimento e a categoria.

Ao observar que o documento apresentava indícios de adulteração, o soldado do Comando Rodoviário da Brigada Militar (CRBM) decidiu proceder uma revista minuciosa no veículo, momento em que localizou uma arma na bolsa da passageira – e esposa do motorista -, de 43 anos.

O revólver calibre 38 estava carregado com seis munições intactas. Por conta disso, o casal da Linha Araripe recebeu voz de prisão e foi encaminhado à Delegacia.

Os moradores de Nova Petrópolis foram abordados em uma blitz de rotina em frente ao posto do Comando Rodoviário da Brigada Militar (CRBM), no km 63 da ERS 040. A ação ocorreu logo após o meio-dia de ontem.