Conecte-se conosco

Aniversários

Renaldo Warken: presidente do Legislativo pela quarta vez em Morro Reuter

Renaldo Warken, popular Galo Fino, está no quinto mandato como vereador pelo PDT, dos quais assumiu a presidência do legislativo pela quarta vez

Morro Reuter – Natural de Humaitá, Renaldo Warken é o atual presidente da Câmara de Vereadores de Morro Reuter. Ele já foi vereador pelo PDT por cinco mandatos consecutivos desde à 3ª legislatura em 2001, assumindo a cadeira de presidente por quatro vezes: em 2003, 2005, 2016 e agora, em 2020.

Renaldo conta que quando tinha dois anos sua família saiu de Humaitá e se mudou para Santa Catarina, onde trabalharam como agricultores. Em 21 de dezembro de 1982 ele veio para Dois Irmãos com seu tio, onde começou a trabalhar em um frigorífico e, um mês depois, se mudou para Morro Reuter.

Dois anos depois foi para a indústria calçadista, na qual ficou até 1989, quando começou a trabalhar na Prefeitura de Dois Irmãos como operário até 1990. Logo depois começou a empreender em Morro Reuter que, na época, ainda pertencia à Dois Irmãos, abrindo um bar e mercado. Atualmente, o bar ainda está em funcionamento, no mesmo local.

Mesa diretora 2020: José Inácio Ternus, Guido Dilkin, Renaldo Warken, Luis Ademar Recktenwaldt (FOTO: Rogério Savian)

“Morro Reuter representa tudo para mim, aqui eu construí minha vida, minha família e meu espaço”, afirma Renaldo, destacando que “foi muito bem recebido e possui muitas amizades nos quatro cantos do município”.

Como presidente do Legislativo, destaca que quer dar continuidade aos trabalhos que já estão sendo realizados e, entre eles, dar andamento na obra da nova sede da Câmara, adquirida no ano passado. Destaca ainda que “todos os prefeitos até agora fizeram um bom trabalho, mas preciso tirar o chapéu para a Carla. É só olhar as obras que ela está fazendo. A primeira coisa que ela fez foi zerar a fila da educação infantil e isso nunca aconteceu na história de Morro Reuter”, elogia.

Renaldo afirma que o Legislativo e Executivo possuem uma boa relação, da mesma forma como acontece dentro da própria Câmara. Questionado se pretende concorrer a prefeito, afirma que “hoje eu diria que não, mas de repente no futuro é uma possibilidade, mas vai ser difícil, pois sou uma pessoa que não prometo para as pessoas o que não posso cumprir”, disse.

Clique para comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *