Odair seguirá rodando elenco no Gauchão (Créditos: Ricardo Duarte/Inter/Divulgação/CP)

Na melhor das hipóteses, o Inter viverá uma maratona impiedosa de jogos até a decisão do Campeonato Gaúcho, no final de abril. Serão dois jogos por semana, conciliando os mata-matas do certame regional com os compromissos da Libertadores da América, com média de um jogo a cada três dias e meio.

Mas isso só ocorrerá se o time colorado obtiver classificação fase a fase, começando pelas quartas de final contra o Novo Hamburgo, que marca jogos neste sábado, às 19h, no Estádio do Vale, e na próxima quarta-feira, às 21h30min, no Beira-Rio.

Para suportar a sequência de jogos, o Inter seguirá revezando as equipes. Já que os titulares jogaram na última quarta-feira diante do mesmo Novo Hamburgo (vitória por 2 a 0), serão os reservas que entrarão em campo no sábado à noite. E assim, sucessivamente, apesar dos riscos.

“Agora, é mata-mata. Não dá para perder o jogo e achar que dá para recuperar lá na frente. Temos de fazer um grande resultado (neste sábado) para conseguir avançar no Gauchão”, observou o lateral Iago.

Neste primeiro jogo pelas quartas de final, o Inter contará com o retorno de Nico López, que cumpriu as duas partidas de suspensão. Nonato, expulso no Gre-Nal, também volta a ficar à disposição. Odair comandará na tarde desta sexta-feira, às 16h, o último treino antes do jogo contra o Novo Hamburgo. A atividade será realizada com portões fechados no Beira-Rio.