Fala na tribuna foi do vereador Alcides de Quadro (Créditos: Arquivo/ODiário)

Lindolfo Collor – Não é novidade a existência de um posto de saúde no município que nunca foi usado. O bairro Capivarinha recebeu a estrutura, que foi paga com recursos do governo federal. Porém, mesmo inaugurado, o posto nunca foi utilizado.

O assunto voltou em pauta na sessão da Câmara. O vereador Alcides de Quadro (PT) reclamou do mau uso do dinheiro público com a construção do posto da Capivarinha. “Dinheiro investido lá que olha, faltou planejamento do governo passado. Se nós não conseguimos manter bem nosso posto aqui, criar mais um é desperdício”, comentou.

Alcides falou do posto para falar de outra situação mo bairro: a precária estrutura da associação. Na visão dele, é necessário construir um pavilhão e melhorar a sede dos moradores da Capivarinha. “Sei que não pode ser repassado (recurso da Câmara), mas se não, merecia isso. Pelo menos, que fosse permitido que os moradores pudessem jogar futebol e que as crianças pudessem brincar. Peço que seja feita alguma coisa”, falou.