Conecte-se conosco

Destaques

Presidente Lucena decreta calamidade pública por novo coronavírus

Cúpula do município se reuniu neste domingo (Créditos: Divulgação/PMPL)

Presidente Lucena – O município de Presidente Lucena é mais um a decretar estado de calamidade pública em razão do novo coronavírus. A medida, assinada pelo prefeito Gilmar Führ (Nack), é válida a partir deste domingo, 22, e válida por 15 dias. O prazo também poderá ser prorrogado. A norma também estabelece o fechamento de todos os estabelecimentos comerciais não-essenciais.

A exceção é para farmácias, clínicas de atendimento na área da saúde, mercados, restaurantes, padarias – porém é vedado consumo no local -, postos de combustíveis, bancos e lotéricas, entre outros.

“Estivemos reunidos hoje de manhã para fazer este decreto de calamidade pública”, afirmou o vice-prefeito e secretário de Agricultura, Luiz Spaniol. Leia o decreto completo neste link. Eventos com aglomeração de pessoas também foram cancelados, inclusive cultos e missas em igrejas.