Agentes encontram medicamentos com Eloise (FOTO: FELIPE FALEIRO)

Estância Velha – Um dos alvos da operação Anamnese, desencadeada pela Polícia Civil na última terça-feira, a ex-secretária interina, Eloise Gernhardt, segue presa temporariamente.

Durante o cumprimento de busca e apreensão na casa dela, os policiais encontraram e apreenderam dezenas de caixas de remédios. “Recolhemos dois sacos de medicamentos no local”, confirmou o delegado Vinícios do Valle, que coordena as investigações, em parceria com o delegado Max Otto Ritter.

O delegado explica que a denúncia que existia contra Eloise já indicava a possibilidade dela manter uma mini-farmácia em casa. O que a polícia quer saber, agora, por qual finalidade Eloise mantinha este tanto de medicamentos em casa.

A ex-secretária foi um dos alvos da Operação Anamnese, desencadeada pela Delegacia de Crimes contra a Administração Pública (Deat), que resultou na prisão de oito pessoas e no cumprimento de 10 mandados de busca e apreensão em seis municípios do RS.

A investigação busca esclarecer um esquema fraudulento de pagamento de exames de imagens à Clínica Previne mesmo estes exames não tendo sido feitos pelos pacientes.