Vamos ajudar a família da Mariana

Deputado Maurício Dziedricki anunciou na convenção do partido, na última sexta-feira, o repasse de 700 mil para Estância Velha. 400mil para o terminal rodoviário e 300mil para revitalização da Presidente Vargas. Parabéns aos envolvidos, que colocaram os interesses da comunidade acima de interesses políticos.

CONVENÇÃO

Aliás, na convenção, o partido apresentou sua Executiva. A presença do deputado federal Dziedricki demonstra a força do partido que está preparando um projeto para apresentar a comunidade, para a próxima eleição. O presidente Maicon Schuh, atualmente é assessor do deputado e está prometendo representar uma nova política para Estância Velha.

NA SURDINA

Por falar em eleição, todo mundo trabalhando quietinho. Sem novidades faz tempo. Muita especulação, mas de concreto nada. Novas filiações e trocas de partidos estão sendo muito aguardadas. Com certeza, todos escolhendo o melhor momento e as melhores opções.

NÃO QUEREM PERDER A VAGA

Os vereadores, a gente entende que não trocam de partido para não perderem as suas vagas na Câmara. O Django, por exemplo, que já decretou publicamente litígio com o MDB e vice-versa nem cogita sair do partido. Falou-se em análise na comissão de ética do partido, expulsão, mas de concreto até agora nada.

FASE CRÍTICA

Enquanto isso, a atual administração ao que parece, superou a fase mais crítica. Foram dois ou três assuntos negativos que mobilizaram a opinião pública contra a administração e sua reeleição. Parece que o pior já passou, e os ânimos estão mais calmos.

VAQUINHA

A família da Mariana está apelando para a solidariedade da comunidade. As despesas médicas e funeral da Mariana somam mais de 15mil reais. Uma vaquinha online foi aberta para ajudar o casal a reconstruir a vida. Quem quiser colaborar, é só acessar a página na internet, ali tem as informações.

PLATÔ

O platô está substituindo os quebra-molas. Uma elevada mais extensa e mais baixa. Tem o mesmo resultado diminui a velocidade. Ótimo, só que precisa cuidar da finalização deles. Os acessos muito acentuados prejudicam os automóveis, com solavancos e o barulho incomoda os vizinhos.

BARULHO

Por falar em barulho, este final de semana recebemos reclamações de vizinhos da Sociedade Atlântico, pelo barulho até altas horas da madrugada de sábado. E conforme o reclamante não é a primeira vez. A Sociedade precisa se adequar as leis da perturbação do sossego público.