Conecte-se conosco

Notícias

Mercado, padaria e farmácia cumprem rigorosas medidas para poder atender

Espaço para lanche no local está lacrado na padaria de Dois Irmãos (Cred. Melissa Costa)

Região –  Eles são essenciais nos municípios. Somente eles, mercados, padarias e farmácias estão liberados por decreto a funcionar, de portas abertas, para poder abastecer as famílias com alimentos e medicamentos. No entanto, para isso, precisam cumprir rigorosas medidas de prevenção ao coronavírus e estão sob fiscalização diária dos órgãos de vigilância em saúde.

A chefe do Departamento de Vigilância de Saúde e Sanitária de Dois Irmãos, Ednaloi Monteiro Costa, ressalta os cuidados que hoje são básicos para o funcionamento destes estabelecimentos. Entre eles, os donos dos estabelecimentos devem oferecer álcool geral na entrada, sinalizar com faixas o espaçamento entre balcões e clientes, demarcar o chão com aletas e orientação para as filas. “As pessoas devem ficar distantes dois metros entre uma e outra nas filas, assim como também deve haver controle na quantidade de pessoas entrando ao mesmo tempo no ambiente”, orienta ela, que ao lado da equipe, está visando todos os locais em Dois Irmãos para orientar os proprietários. “A maioria está nos recebendo bem e seguindo todas as determinações; estamos fazendo isso tudo para proteção da própria equipe e também da comunidade. Este é o momento da prevenção e precisamos que todos estejam unidos. Um ou outro local nos receberam questionando a importância das medidas que são decretos e obrigados. Hoje, quem não cumprir as determinações, terá o estabelecimento fechado, mas os donos dos locais estão colaborando, acredito que em Dois Irmãos não teremos problemas maiores”, disse ela.

 

EXEMPLO NO MERCADO EM ESTÂNCIA VELHA

Em Estância Velha nem todos os estabelecimentos abertos estão seguindo à risca todas as medidas de prevenção, mas temos um excelente exemplo de como cumprir as determinações, e preservar a saúde de clientes e funcionários. O gerente Rafael Linck, do Mercado MA, do bairro Rincão dos Ilhéus, nos apresentou todas as medidas tomadas pelo estabelecimento para a prevenção. A capacidade máxima do mercado é de 100 pessoas, incluindo funcionários. Atualmente, tirando os 20 funcionários, é controlada a entrada de no máximo trinta pessoas de cada vez. Um funcionário na porta orienta clientes, que formam filas nas marcações do chão, obedecendo o distanciamento de dois metros entre eles. Já na entrada, um recipiente com álcool gel, assim como vários espalhados por todos os setores.

As filas dos caixas também receberam marcações com distanciamento. Os produtos da padaria são embalados antecipadamente, evitando o contato entre funcionários e clientes. Os caixas e balcões foram isolados com acrílico. Os produtos da cesta básica estão limitados por pessoa, e o horário das 7h30 às 8h30, está sendo disponibilizado apenas, para compras de pessoas dos grupos de risco. Rafael conta que “alguns clientes acham exagero e reclamam um pouco, mas a grande maioria está elogiando as precauções. Precisamos todos colaborar”, diz Rafael. Uma funcionária do mercado apresentou um resfriado leve, procurou o médico, que descartou qualquer problema mais sério, mesmo assim, foi orientada pela direção do estabelecimento, que fique em casa até se recuperar bem.

 

Venda no balcão e tele entrega em padaria de Dois Irmãos

Um dos estabelecimentos abertos em Dois Irmãos é a Padaria Becker, que também se adaptou a nova realidade de atendimento. Édina Kayser conta que está lacrado o espaço das mesas para refeição no local e a venda somente está ocorrendo no balcão, além do serviço de tele entrega. “Estamos ainda cuidando muito mais da higienização do espaço e controlando a entrega dos clientes e a distância entre eles na fila”, disse ela.