Conecte-se conosco

 

Destaques

Justiça solta homens presos por estupro de adolescente que morreu em motel de Novo Hamburgo

Novo Hamburgo – A juíza Andréa Hoch Cenne decidiu soltar os dois homens presos em flagrante por estupro de vulnerável no caso da adolescente encontrada morta em um motel, na madrugada de ontem.

A decisão da Justiça aconteceu neste sexta-feira e, por volta das 13 horas, os amigos deixaram a carceragem da DPPA Novo Hamburgo, onde estavam aguardando vaga no presídio. Na opinião da magistrada da 3ª Vara Criminal, que analisa o caso, não há provas suficientes para manter os dois homens presos preventivamente. Segundo manifestação da juíza, os dois homens pediram socorro à vítima e não foram encontrados indícios de estupro. Por isso, ambos poderão responder o caso em liberdade provisória.

Câmeras de segurança flagraram o momento em que o trio chega ao motel

Os dois homens, cujas identidades não foram reveladas pela polícia, estavam presos desde as 4 horas da madrugada de ontem, depois que acionaram socorro para a adolescente. Eles foram autuados em flagrante pelo delegado plantonista da DPPA de Novo Hamburgo.

Os acusados, um deles morador de Novo Hamburgo e outro de São Leopoldo, chegaram com a adolescente de 15 anos ao motel, localizado na rua Carlos Célio Ruschel, no bairro São Jorge, nas proximidades do antigo bar Alternativo, por volta das 3 horas. Menos de uma hora depois, pediram ajuda aos funcionários do motel, pois a adolescente sofreu um ataque fulminante.

A suspeita é de que a menina tenha sofrido overdose em decorrência do consumo excessivo de cocaína. Conforme os homens, em depoimento à polícia, a adolescente usou cocaína durante o trajeto que fizeram até chegar ao motel. Também teria usado a substância quando já estavam no quarto.

VÍDEO EXCLUSIVO: adolescente morta por overdose entrou escondida em motel

Câmera interna do prédio mostra última aparição de adolescente

Mais cedo, o Diário divulgou, com exclusividade, um vídeo em que mostra a última aparição da adolescente no motel. As imagens mostram o momento em que o trio chega ao local e não é possível ver a adolescente no interior do carro. As cenas mostram apenas o motorista no interior do veículo. A adolescente e o outro homem estavam escondidos no banco de trás.

Contudo, as imagens das câmeras internas do motel mostram a última aparição da adolescente. Ela saiu pela porta lateral direita do veículo e fez a volta por trás do carro para subir ao quarto, antes da porta da garagem fechar.

Adolescente consumiu R$ 250 em cocaína

A adolescente de 15 anos teria consumido cinco pinos de cocaína sozinha. A droga é avaliada em R$ 250. Depois de fazer o uso da droga, a adolescente manteve relações sexuais com um dos homens quando sofreu o ataque fulminante. O SAMU e a Brigada Militar foram acionados, por volta das 4 horas. Quando os socorristas chegaram no local, a vítima já estava sem vida.

Objetos apreendidos

Para subsidiar a investigação, a perícia aprendeu diversos objetos da vítima e dos acusados encontrados no quarto que ocupavam. Ainda foram apreendidas algumas peças de roupas da adolescente e dos homens. Os peritos também recolheram a roupa de cama do quarto para realizar exames que poderão comprovar ou desmentir a tese dos acusados.

1 comentário

1 comentário

  1. Luís Fernando

    15 de fevereiro de 2020 em 11:50

    No Brasil tem Juiz que é apaixonado por criminoso. Mandar soltar essa dupla, é um exemplo claro disso. Uma vergonha. Pra que serve a polícia? Criar uma “policia” do judiciário, só para proteger os criminosos, só isso que está faltando ainda nesta republiqueta….

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *