Conecte-se conosco

Destaques

Em Dois Irmãos ainda tem bastante gente desrespeitando o decreto municipal

 (foto: Rogério Savian)

Dois Irmãos – O município está realizando ações educativas com o intuito de orientar as pessoas sobre o Decreto de Calamidade Pública de Dois Irmãos e também fiscalizando estabelecimentos comerciais para combater o coronavírus. Uma operação conjunta, coordenada pela Administração Municipal, através do Gabinete de Gerenciamento de Crise sobre medidas temporárias de prevenção ao coronavírus, em conjunto com a Defesa Civil, Vigilância Sanitária, Fiscalização Tributários, Brigada Militar e Corpo de Bombeiros, foi realizada no sábado, 21, e domingo, 22, nos bairros.

Ontem o secretário Edson Luis Maicá Severo destacou que muitas pessoas ainda seguem desrespeitando o Decreto Municipal assinado no sábado, 21. Segundo ele, está sendo feito um trabalho muito forte de conscientização, com carros de som, publicações nos veículos de comunicação e redes sociais. Porém, tem constatado que uma das maiores dificuldades está no grupo de risco, que são os idosos. Estes seguem em grande número transitando nas ruas e frequentando locais com aglomerações de pessoas.

Outro problema está em alguns dos comércios que não estão respeitando a ordem de se manterem fechados ou sem aglomerações. “No caso dos comércios, por enquanto estão sendo orientados, mas daqui a pouco a Brigada Militar vai começar a fazer registro de Boletim de Ocorrência por descumprimento de um decreto municipal. Tem um decreto de calamidade pública e o pessoal não está obedecendo”, destacou. Para os próximos dias deve seguir intenso o trabalho de orientação e fiscalização.

Descumprir decreto é crime

“Recebemos algumas denúncias que alguns bares estavam funcionando e descumprindo o decreto. Então tivemos que realizar uma ação mais rígida. Em um dos estabelecimentos, a Brigada Militar também a apreensão de máquinas caça-níquel”, disse Maicá, ressaltando que a maioria dos bares atenderam as recomendações e apenas três não seguiram as orientações.

O secretário ainda disse que ao longo da operação brinquedos e aparelhos de ginástica foram interditados. “A ideia é seguir realizando as fiscalizações. A população apoiou as ações do final de semana. Mas infelizmente algumas pessoas não entenderam a gravidade da situação. A orientação é que as pessoas evitem sair de suas casas. Quem descumprir as orientações dos decretos será enquadrado no Artigo 268 do Código Penal, que é crime não cumprir a determinação”, frisou.

Confira mais notícias sobre o Covid-19:

 

 

Clique para comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *